Nos últimos meses, o termo “metaverso” tornou-se uma das palavras mais procuradas nos sites de pesquisas. A expressão tem ganhado cada vez mais notoriedade conforme as grandes marcas e as celebridades investem nesse segmento.

Além de promover uma infinita possibilidade de entretenimento, o metaverso criou um modelo de economia digital com variados tipos de tokens (espécie de dinheiro). Todo esse movimento promoveu também novas formas de marketing.

Quer sabe como investir nessa realidade virtual e como ele interfere nos mecanismos de busca? Vem com a Moke! Elaboramos esse conteúdo para te deixar por dentro de todas essas novidades.

Mas afinal, o que é o Metaverso?

Antes de falarmos sobre marketing, investimentos e SEO, precisamos entender de fato, o que é o Metaverso.

O termo refere-se a um mundo capaz de integrar o virtual ao real. Ou seja, um espaço onde cada pessoa tem a liberdade de fazer o que quiser, como adquirir roupas, carros, casas, passear, criar relacionamentos, entre muitas outras coisas.

E para ter uma experiência ainda mais real, o usuário pode utilizar os óculos de realidade virtual para acessar o ambiente online.

Para o metaverso ter um funcionamento, o ambiente se beneficia do uso de carteiras de criptomoedas, como a Trust Wallet e a MetaMask.

Como um método de fornecer um sistema seguro e transparente, a plataforma conta com a tecnologia blockchain. Uma base que armazena informações e dados sobre as transações e finanças em blocos. Ao serem utilizadas, essas camadas ganham uma impressão digital, o que torna o sistema bastante confiável.

Agora que você já conhece o conceito, vamos analisar como que ele vai interferir no SEO.

Metaverso: como ele influenciará nos sites de buscas?

Sabemos que o processo de pesquisa orgânica exige que o internauta digite a palavra no Google para alcançar a resposta.

Tendo por base que as pessoas acessam o metaverso com óculos VR, é evidente que a maioria não vai querer retirá-los para fazer a busca.

Dessa forma, esse processo terá que ocorrer dentro da realidade virtual. Mas a pergunta é: qual a melhor forma de fazer isso?

Sabemos que digitar direcionando o controle remoto é pouco funcional e bastante frustrante, pois além de levar mais tempo, o procedimento conta com bastante falhas.

Alguns óculos de realidade virtual possuem sensores capazes de simular um teclado, mas nem todo mundo tem acesso a essa tecnologia e muitos usuários mencionam ter problemas ao utilizá-lo.

Dessa forma, a melhor alternativa seria o comando de voz. E é aí que esbarramos na questão principal! Na maioria das vezes, as respostas obtidas por meio do comando de voz, são exibidas na SERP (Search Engine Results Page) como feature snippets.

De uma forma mais simples, os resultados do mecanismo de pesquisa feita pelo comando de voz, é baseada somente na caixa de resposta no topo da página do Google. Isso exclui os outros resultados.

Para os desenvolvedores do metaverso, isso fará sentido, pois é uma forma de emitir uma resposta rápida e curta para o usuário, visto que ele está ocupado em meio ao mundo virtual, no entanto, isso influenciará diretamente no trabalho dos analistas de SEOs.

Nessa perspectiva, os sites necessitarão repensar o método que apresentam os seus resultados nos mecanismos de pesquisa do Google. Além disso, também será preciso encontrar com mais exatidão a resposta, pois o usuário só terá o resultado do feature snippets.

Apesar dessa questão, o metaverso já possibilitou novas oportunidades de mercado.

Metaverso X Marketing

Com a infinita de possibilidades de entretenimento que o metaverso proporcionou às pessoas, as empresas notaram novos meios de investimentos e marketing. As gigantes Nike e Microsoft foram as primeiras a entrarem nesse mundo virtual.

Além disso, no segmento de vestimentas e moda as marcas Zara, Gucci, Vans, H&M e Lojas Renner, fornecem modelos de roupas digitais exclusivas para serem comercializados no metaverso.

Já a TIM Brasil, além de inaugurar recentemente uma loja no universo online, também investiu em shows e eventos dentro do metaverso. O Banco Itaú optou em colocar campanhas publicitárias nos outdoors pela cidade online.

Como você pode ver, são inúmeras as formas de propagar o seu serviço ou produto pelo metaverso. Embora ainda seja cedo para afirmar isso, em um futuro bem próximo, todas as empresas, de pequeno ou grande porte, terá que adequar-se ao novo espaço digital.

Todo esse processo acaba encurtando a distância entre o vendedor e o consumidor final, visto que diferente do e-commerce, o cliente terá a possibilidade de experimentar e ter uma experiência no momento exato da compra.

Além das marcas, as celebridades também têm apostado no metaverso. O ator Will Smith e o cantor The Weeknd, investiram mais de R$ 300 milhões na Everyrealm, uma empresa que atua na compra de terrenos virtuais.

E a lista de famosos que mergulharam de cabeça nessa nova tendência não para por aí! O rapper Snoop Dogg lançou um clipe feito no metaverso. A música chama “House I Built” e passa no jogo “The Sandbox”.

Outro item bastante em evidência é o Token Não Fundível, mais conhecido como NFT. Ele é um produto virtual criptografado que representa algo único. Por isso, costumam ter um valor bastante alto no mundo real.

Os NFTs são a chave que liga o metaverso com a realidade, visto que ambos transcendem o modo online e off-line. Assim, podemos afirmar que nunca estivemos tão próximos de integrar esses dois universos.

É importante ressaltar também que estamos em um momento propício para isso. Com o advento da pandemia, muitas pessoas migraram para o ambiente online, o que facilita essa mudança para as organizações. Se você possui um empreendimento, está na hora que começar a planejar as suas ações nesse ambiente virtual.

Como isso afeta a Publicidade e o Marketing Digital?

Como mencionamos anteriormente, o metaverso trará mudanças nos resultados das buscas e isso vai acirrar a corrida entre os analistas de SEO. Além disso, os sites precisarão de novas adaptações.

Por outro lado, esse novo mundo virtual traz consigo, uma gama de possibilidades de campanhas publicitárias.

Assim como o smartphone e a tecnologia móvel abriu uma série de portas, com o metaverso não será diferente. Essa nova realidade, certamente vai corroborar para que surjam novos padrões de consumo.

Dessa forma, os trabalhos das agências de marketing digital não serão apenas dedicados às vendas e na divulgação de serviços e produtos, mas também terá que fazer com que as empresas tenham espaço virtual no metaverso.

Conte com a Moke Business Agency!

Com os avanços tecnológicos, as empresas precisam ficar antenadas para acompanhar a tendência do mercado. A Moke conta com uma equipe de profissionais especializados que estão prontos para avançar o seu negócio por meio do marketing digital.

Não fique de fora e aproveite as novas oportunidades!

Quer saber mais sobre os nossos serviços? Não perca tempo e comece o trabalho de Performance agora mesmo, basta entrar em contato com os nossos especialistas.

Acreditamos que a inovação é um passo indispensável para a era digital! E você, como pretende inovar hoje?

Confira nossos serviços e conte com a ajuda da Moke Business Agency!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Recentes

Omnichannel: a próspera estratégia do varejo no Brasil
Gastos com anúncios digitais devem apresentar aumento relevante em relação a 2021
Metaverso: como ele influenciará o SEO que conhecemos?
Orçamento